quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Uma Delícia de Leitura

É Muita Cuca no Lance

Bem... pra quem anda fazendo planos para o que fazer em 2011, não deixem de ler Melancia, de Marian Keyes .

O livro é literalmente uma delícia e fácil de ser devorado. Na verdade, o primeiro contato é meio estranho por causa do título, mas num piscar de olhos já ficamos completamente envolvidos com o talento de Marian.

Melancia conta uma bem humorada comédia romântica - tomara que vire filme, tomara que vire filme! - sobre a vida de Claire, que no dia do parto de sua primeira filha, recebe a notícia que o marido a deixou para ir viver com a vizinha gorda Denise. Á partir daí, vamos nos envolvendo com as personagens da melhor maneira possível: humor-humano.

O livro é tão engraçado, que por diversas vezes meus pais entraram no quarto pra saber de que eu tanto ria (alto!). Principalmente no início. É impossível ficar sem rir.

O ponto fraco do livro - pra mim pois detesto o gênero - é que do meio pro final, a parte dramática/romântica ganha mais espaço na trama, mas mesmo assim não deixa de ser uma excelente pedida.

Para 2011 já planejo ler outros sucessos da autora, que já um espaço reservado assim como Sheldon tem em minha vida.

Deliciem-se e boa leitura.

5 comentários:

  1. Sheldon? De Sidney Sheldon?! Se for também sou um grande fã da sua obra. Inclusive, tem um espaço no meu blog que vem desde o outro mais antigo que eu tinha, chamado "O Baú de Leitura". Inclusive, na página principal, há uma postagem da coluna que falo do livro "O Ditador". Realmente um excelente ator. Mas você que vai lá no Portal sempre, já deve ter notado que sou completamente fissurado pelos suspenses de Agatha Christie. Inclusive o banner novo é dedicado a outra personagem sua. Já ouvi muito falar nesse melancia. Acho que vou dar uma passadinha no sebo e ver se é bom msm. Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Pensei que fosse a biografia de Andressa Soares... haha
    !!!
    Deve ser bom esse livro heim
    !
    Uhu
    ...

    ResponderExcluir
  3. Tenho um exemplar desse em casa. O livro, realmente, é muito bom.
    Marian Keys é uma tipo singular de escrever.

    ResponderExcluir
  4. O passado é um conceito e só existe em museus e livros historicos e, em ambos, é coisa morta, porque estatico. Já, no espirito de quem lembra existe e vive, pois tingido com a fantasia de cada um, enriquece e se transforma, embora seja unico e não possa ser partilhado.
    Bjos achocolatados e feliz ano novo.

    ResponderExcluir
  5. Hummm.. Tá confesso eu não li!

    Não porque ele não tenha sido indicado, mas o gênero não me atrai.

    Sou mais fã de King, Sheldon, Capote, Gay Talese, Machado de Assis, Quintana etc...

    Bjos,Keli

    ResponderExcluir

Aguarde, em breve seu comentário será aprovado... Lembre-se que este espaço é visitado por pessoas de todas as idades e credos, por isso, comentários que ofendam a moral e os bons costumes serão rejeitados. Enquanto isso, aprecie sem moderação!