domingo, 28 de julho de 2013

#VemPraRua pois O Papa é Pop!

Opaaa... chegou ao fim, na manhã deste domingo a Jornada Mundial da Juventude, evento que conseguiu reunir cerca de três milhões de pessoas na noite de sábado e durante o dia de domingo em Copacabana, com a presença do Papa Francisco.

A JMJ trouxe um número de turistas que o Rio de Janeiro nunca havia recebido antes. Da mesma forma,  a Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas de 2016 irão trazer turistas e fazer circular dinheiro em nosso país.

Durante sua visita ao Brasil, Francisco deu show de simpatia e humildade. Exemplo a ser seguido. Longe de mim querer catequizar alguém... vou deixar isso bem claro aqui.

Francisco chegou justamente em um momento muito crítico ao país e antes de sua chegada, muito se especulou sobre o que poderia acontecer a partir do momento em que ele pisasse nas terras brasileiras. Porém, sua visita ocorreu na mais tranquila paz.

Impossível não se emocionar com "Chiquinho"... O Papa que conseguiu falar até mesmo com outras religiões.

Apesar de toda simpatia, Francisco fez duras críticas à política e estimulou os jovens a continuar lutando por seus direitos. Aliás, acho que perdemos o foco e a razão, com toda essa onda de violência... Na minha cidade, um dos líderes das manifestações não sabia nem o nome da prefeita. Como exigir alguma coisa se não sabemos nem pra quem pedir ou o que pedir?!

Fora que quiseram manifestar contra a igreja, pessoas nuas durante a JMJ. Como pedir respeito se não nos damos o respeito?

Por que, a exemplo da JMJ, não nos reunamos com foco e sabedoria para saber exigir nossos direitos?

Seguindo o exemplo de sabedoria e humildade, que tenhamos competência para exigir nossos direitos. Que nos juntemos para sabiamente saber o que e quando pedir. Se conseguimos nos organizar para pacificamente juntar 3 milhões de pessoas em Copacabana em busca de um bem comum, que saibamos nos direcionar para exigir das das autoridades nossos direitos.

O Papa, andou de vidros abertos, quebrou protocolos, chegou perto das pessoas, inclusive descendo do papamóvel e nada o aconteceu, pois além de calma e sabedoria, ele teve foco. Acho que é isso que nos falta: foco!

Vamos pra rua, mas vamos com foco! Precisamos sim de mais recursos para saúde e educação. E se não conseguirmos, em 2014 temos eleições e é nas ruas que mostraremos nossa força. Não é avacalhando os jogos de futebol ou a Jornada que conseguiremos alguma coisa.

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem? Você chamou o papa de Chiquinho? Hahaha. Quanta intimidade! Rs.. Abraços, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir

Aguarde, em breve seu comentário será aprovado... Lembre-se que este espaço é visitado por pessoas de todas as idades e credos, por isso, comentários que ofendam a moral e os bons costumes serão rejeitados. Enquanto isso, aprecie sem moderação!